Arquivo da categoria: Ubuntu 11.04

Passo a Passo para instalar um OTRS 3 completo no Ubuntu Server 11.04

A partir de uma instalação clean do Ubuntu. Vamos executar os seguintes comandos:

Vamos atualizar o sistema

sudo apt-get update
sudo apt-get upgrade

Vamos instalar a maior parte dos pacotes necessários pelo OTRS 3

sudo apt-get install otrs2 aspell-pt-br build-essential

Durante este processo, o servidor pedirá que você indique uma senha de Mysql para seu servidor. Coloque uma senha e anote-a!

O sistema também te perguntará se deseja configurar automaticamente a base de dados do OTRS. Eu escolhi que não (Configure database for otrs2 with dbconfig-common?)

Agora, removemos o OTRS 2 que não será necessário.

sudo apt-get remove otrs2

Vamos baixar o otrs para o servidor, descompactar e renomear sua pasta.

cd /opt
wget http://ftp.otrs.org/pub/otrs/otrs-3.0.10.tar.bz2
tar jcvpf otrs-3.0.10.tar.bz2
mv otrs-3.0.10 otrs

Instalando os módulos perl necessários:

sudo perl -MCPAN -e shell

Responda todas as perguntas com a resposta padrão que está entre “[]”. Quando surgir o prompt (cpan[1]>) digite:

install YAML
install Encode::HanExtra
install JSON::XS
install Net::LDAP

(aqui na instalação do Net::LDAP, quando perguntado se você deseja instalar um modulo opcional, responda sim (y))

install MKUTTER/SOAP-Lite-0.710.10.tar.gz
exit

Criando os arquivos de configurações

sudo rm /etc/apache2/conf.d/otrs2
sudo cp /opt/otrs/scripts/apache2-httpd.include.conf /etc/apache2/sites-available/otrs
sudo cp /opt/otrs/Kernel/Config.pm.dist /opt/otrs/Kernel/Config.pm
sudo a2ensite otrs
sudo apache2ctl restart

Arrumando permissões:

sudo usermod -a -G nogroup otrs
sudo usermod -a -G www-data otrs
cd /opt/otrs/bin
sudo ./otrs.SetPermissions.pl /opt/otrs --otrs-user=otrs --web-user=www-data --otrs-group=nogroup --web-group=www-data

Finalmente, acesse o instalador do OTRS via Web, de um outro computador que tenha um navegador:

http://seu_servidor_ou_ip/otrs/installer.pl

Siga o passo a passo apresentado na tela. Neste método, você vai precisar da senha do servidor de banco de dados que você instalou e anotou 🙂

Acessando o Internet Banking Santander pelo Ubuntu

Um passo a passo bem resumido:

  1. Abra a Central de Programas do Ubuntu
  2. Pesquise pelo termo “jre”
  3. Remova o “Runtime do OpenJDK Java 6”
  4. Instale o “Sun Java(TM) Runtime Enviroment (JRE) 6 (architecture independent files)” (pacote sun-java6-jre)
  5. Instale o “Java(TM) Plug-in, Java SE 6” (pacote sun-java6-plugin)
  6. Reinicie o Firefox e acesse o site do Santander
  7. Digite as informações de sua conta, clique no seu nome
  8. Siga o passo a passo para instalar o modulo de segurança do Banco.

Aqui funcionou 🙂 Um motivo a menos pra ter Windows na máquina.

Ubuntu 11.04 no Dell Vostro 3450 com placa Radeon 6330M – parte 2

Este post substitui as dicas que dei no primeiro post relacionado ao assunto. Naquele post, a dica para inicializar o laptop era desativar um recurso chamado modeset, colocando uma flag na inicialização do sistema “radeon.modeset=0”.

O problema é que desativando este recurso, o laptop fica um pouco mais lento e alguma funções adicionais do sistema param de funcionar.

A segunda solução que encontrei, e a melhor até agora, é a seguinte:

Depois de instalado, para realizar o primeiro boot com o sistema, na tela de escolha do sistema operacional (o famoso Grub), pressione “e”. Uma tela de edição abrirá. Digite no fim da linha onde está o parametro quiet splash (ou algo assim):
radeon.modeset=0

Pressione Crtl+X e o sistema inicializará.

Em seguida, vamos impedir o carregamento automático da placa de video Radeon adicionando-a num blacklist de modulos que são reconhecidos automáticamente. No terminal, digite:

sudo gedit /etc/modprobe.d/blacklist.conf

Na ultima linha do arquivo, escreva o seguinte:

blacklist radeon

Salve o arquivo. Em seguida, vamos fazer com que o modulo seja carregado posteriormente a inicialização básica do sistema. No terminal digite:

sudo gedit /etc/rc.local

Após a linha “# By default this script does nothing.” digite o conteúdo abaixo:

modprobe radeon
chown root:plugdev /sys/kernel/debug/vgaswitcheroo/switch
echo OFF > /sys/kernel/debug/vgaswitcheroo/switch
exit 0

Salve o arquivo e reinicie o computador. Isso deve ser o suficiente para que o sistema suba da maneira correta, sem desativar o modeset da placa.

Ubuntu 11.04 no laptop Vostro 3450 com placa gráfica Radeon 6330M HD

ESTE POST ESTÁ DESATUALIZADO. VEJA ESTE POST POR FAVOR.

Um dos problemas de se adquirir um equipamento novo e utilizar o Ubuntu como distribuição, é que geralmente, falta um módulo ou outro que funcione 100% como deveria. Nada grave, a gente contorna e ajuda a desenvolver a integração por completo.

Por enquanto, tive algumas dificuldades na utilização do Vostro 3450 com a placa gráfica 6330M HD da AMD (Radeon). Trata-se de uma tecnologia bem recente que utiliza duas placas de vídeo no mesmo laptop, uma de baixo processamento e outra para graficos mais complexos. Este recurso ainda não está super bem resolvido nos kernels atuais.

Enquanto isso, para rodar o ubuntu neste laptop, é necessário desativar um recurso relativo à esta comutação entre as placas.

Para instalar o Ubuntu, logo que você realiza o boot, acesse as opções de Boot navegando com as setas do teclado e escolha a opção “nomodeset”.

Depois de instalado, para realizar o primeiro boot com o sistema, na tela de escolha do sistema operacional (o famoso Grub), pressione “e”. Uma tela de edição abrirá. Digite no fim da linha onde está o parametro quiet splash (ou algo assim):
radeon.modeset=0

Pressione Crtl+X

O sistema irá bootar. Essa configuração não é permanente. Para torná-la, após iniciar seu sistema pela primeira vez, edite o arquivo de configurações do grub. Abra o terminal e de o comando:

sudo gedit /etc/default/grub

e modifique a linha

GRUB_CMDLINE_LINUX_DEFAULT=”quiet splash”
para

GRUB_CMDLINE_LINUX_DEFAULT=”quiet splash radeon.modeset=0″

Salva o arquivo, feche o Gedit e rode o seguinte comando:

sudo update-grub

Pronto! Infelizmente, essas modificações diminuem o desempenho da parte gráfica deste laptop. Se algum tiver uma nova dica para habilitar corretamente esta placa de video no Ubuntu, por favor deixe seu comentário! 🙂

O sistema que instalei, foi o Ubuntu 11.04 64 bits.